Todo o Dinheiro do Mundo
Filmes - Suspense, Crime, Histórico
Todo o Dinheiro do Mundo (2017)
(All the Money in the World)
  • País: EUA
  • Classificação: Não definido
  • Estreia: 1 de Fevereiro de 2018
  • Duração: 132 min.

Todo o Dinheiro do Mundo | Crítica

Ridley Scott tenta injetar caráter épico em drama de sequestro

A julgar pelo tema, Todo o Dinheiro do Mundo é um filme atípico na produção do diretor Ridley Scott, pelo menos na última década, marcada por épicos e ficções científicas entrecortados por suspenses criminais violentos. Embora a trama do filme, baseada em fatos, tenha fundo policial, Todo o Dinheiro do Mundo trata seu thriller de forma protocolar e parece mais interessado em privilegiar o drama famíliar.

Michelle Williams vive Gail, a mãe de John Paul Getty III (Charlie Plummer), herdeiro do império de petróleo do seu bilionário avô (Christopher Plummer). Divorciada do filho de Getty, Gail se vê imobilizada pelas circunstâncias quando o filho é sequestrado em meados dos anos 1970, e o ex-sogro se recusa a pagar o resgate de US$17 milhões. É Gail que seguimos ao longo da trama, mas o personagem mais explorado no longa é Getty - suas razões para não pagar o resgate, seu ponto de vista sobre os negócios, sobre a família, seu jogo de poder com a ex-nora.

Chamado de última hora para substituir Kevin Spacey, Plummer aparece bastante no filme, e de modo contundente, construindo uma figura de força e influência que o tradicional cuidado de Scott para a direção de arte e a fotografia valoriza bem. O trabalho do diretor evita armadilhas de academicismo (Todo o Dinheiro do Mundo não soa inchado por escolhas solenes e as decisões visuais de Scott valorizam a grandiosidade que Getty gera em torno de si) e a luz soturna que marca o filme do começo ao fim contribui para a claustrofobia que aprisiona Gail - mais até do que aprisiona Paul.

Apuro técnico à parte, Todo o Dinheiro do Mundo transcorre sem sobressaltos, estabelecendo relações funcionais bem básicas (Mark Wahlberg vive o especialista em segurança que está no filme mais para servir de par emocional de Gail do que como explicador do processo criminal de fato) e abusando das viradas que frustram finais felizes. Embora o filme não tenha o apelo de gênero dos outros longas recentes de Scott, é possível enxergar o diretor levantando véus em Todo o Dinheiro do Mundo (não só véus de filtro de luz mas também o véu da autoimportância dos frequentes vaivéns temporais, dos anos 1940 aos 70) para tentar injetar um caráter épico na sua narrativa. No fim, talvez esse drama familiar não seja assim tão diferente na cinematografia do cineasta.

Nota do crítico (Bom) críticas de Filmes
 

??? Usoi drogas men? Quem disse que o filme bem mentira? Tá precisando de um Proerd.

Sim, tudo no filme é mentira leia a histhist certa na Internet

Gostei da enxugada no texto. Bem melhor assim.

Se fosse nos EUA, esse filme já existiria.

O filme tem uns momentos MUITO bons e duas performances excepcionais (Michelle Williams e Christopher Plummer) mas acaba sendo um pouco monótono e repetitivo demais pra sair da esfera de um "filme bom" para a de um "filmaço". Acho que se algum outro roteirista tivesse dado uma reescrita no roteiro que foi filmado, talvez tivéssemos recebido algo especial. Aqui, por mais legal que o filme seja, eu saí achando que foi uma oportunidade desperdiçada, no fim das contas.

Que filme triste, mesmo sendo realidade. O ator Mark Wahlberg fazendo papel secundário? Filme apagado, escuro e com o tempo se torna insignificante. Acho que antes do filme, quando do sequestro, já que não sou novo, a memória foi melhor relembrada. FILME CHATO!!!!

... faltou sutileza.

Outra crítica do filme: https://cinematographecinemafilmes.wordpress.com/2018/02/03/todo-o-dinheiro-do-mundo-2017/

daria um ótimo filme com certeza.

Melhor filme de Ridley Scott desde de O Gangster ( 2007).

sequestro da filha do Silvio Santos era muito mais interessante.

Certamente, ainda mais se esse for o último filme dele.

daqui uns anos, ai dá grana.

Podiam liberar o filme com o Kevin Spacey

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk também to no calixto

hahahahahahahaha

Bom filme. Dinheiro é um mal necessário. Quanto mais você tem, mais mal possui.

Cade a critica do panterão caraio???

Discuta aqui no site Discuta aqui

O Omelete disponibiliza este espaço para comentários e discussões dos temas apresentados no site. Por favor respeite e siga nossas regras para participar. Partilhe sua opinião de forma honesta, responsável e educada. Respeite a opinião dos demais. E, por favor, nos auxilie na moderação ao denunciar conteúdo ofensivo e que deveria ser removido por violar estas normas.

Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

blog comments powered by Disqus