Personalidades

Publicidade

Notícias

Mais vistos

George Clooney
George Clooney (nascido em Lexington, Kentucky, em 6 de maio de de 1961) é um ator, produtor, roteirista e diretor norte-americano. Seu primeiro trabalho como ator acontece, ainda no final da década de setenta, quando realiza uma participação não creditada na minissérie Centennial, 1978. O personagem seguinte, surge quase três anos depois, no longa And They Are Off, 1982; do qual ele segue para rápidas participações em Riptide, 1984-1986 e Street Hawk, 1985-. Logo na sequência, consegue um papel de maior expressão na série cômica E/R, 1984-1985 e, durante os anos posteriores, até o início da década de noventa, mantém-se em atividade com participações em produções diversas, com destaque para uma boa sucessão de episódios em Vivendo e Aprendendo (The Facts of Life, 1979-1988), e uma série de participações em filmes como De Volta à Escola de Horrores (Return to Horror High, 1987), Grizzly II: The Concert, 1987; o controverso A Volta dos Tomates Assassinos (Return of the Killer Tomatoes!, 1988), Red Surf - Tráfico Fatal (Red Surf, 1989), Sunset Beat, 1990; Knights of the Kitchen Table, 1990; seguindo para o encerramento de suas participações esporádicas em Roseanne, 1988-1997. Após esse período, mesmo com uma sucessão consistente de trabalhos realizados, Clooney ainda não consegue estabelecer, de maneira definitiva, sua imagem no mercado americano, no entanto, não desacelera seu ritmo conseguindo destaque com personagens em Baby Talk, 1991-1992; Rewrite for Murder, 1991; Anatomia de um Crime (The Harvest, 1992), Unbecoming Age, 1992; Bomba Terrorista (Without Warning: Terror in the Towers, 1993), e boas sequências de participações em Bodies of Evidence, 1992-1993; e Sisters, 1991-1996. No ano seguinte, inicia seu trabalho de maior duração em um programa da TV, quando passa a compor o elenco de Plantão Médico (E.R,1994-2009), na qual permanece por cinco anos, retornando posteriormente para participações em episódios pontuais. Durante esse período, atua em outras produções como Friends (Friends, 1994-2004), o filme de terror com roteiro de Quentin Tarantino e direção de Robert Rodriguez, Um Drink no Inferno (From Dusk Till Dawn, 1996), com Harvey Keitel, Juliette Lewis e Salma Hayek, e inicia seu trajeto rumo a produções de maior orçamento e abrangência, com papéis em Um Dia Especial (One Fine Day, 1996), com Michelle Pfeiffer, e Batman & Robin (Batman & Robin, 1997), dirigido por Joel Schumacher, com Arnold Schwarzenegger e Uma Thurman. Na mesma fase realiza uma pequena dublagem em South Park (South Park, 1997-), segue para mais um papel de destaque em O Pacificador (The Peacemaker, 1997), com Nicole Kidman, aparece em um episódio de Murphy Brown, 1988-1998; e inicia mais uma sucessão consistente de personagens nos longas Irresistível Paixão (Out of Sight, 1998), dirigido por Steven Soderbergh, parceiro de Clooney em outros projetos posteriores, com Jennifer Lopez e Don Cheadle,  Além da Linha Vermelha (The Thin Red Line, 1998), dirigido por Terrence Malick, com Jim Caviezel, Sean Penn, Nick Nolte, John Cusack e Woody Harrelson, South Park: Maior, Melhor e Sem Cortes (South Park: Bigger Longer & Uncut, 1999), Três Reis (Three Kings, 1999), diridigo por David O. Russell, com Mark Wahlberg e Ice Cube, e encerra o período escrevendo e produzindo, para a TV, o longa Kilroy, 1999. Já, nos anos 2000, após deixar a série Plantão Médico, compõe o elenco da produção dirigida por Stephen Frears, Fail Safe, 2000; segue para um personagem de destaque em E Aí, Meu Irmão, Cadê Você? (O Brother, Where Art Thou?, 2000), longa escrito e dirigido pelos Irmãos Coen, com John Turturro, participa de Mar em Fúria (The Perfect Storm, 2000), com Diane Lane e, mais uma vez, Mark Wahlberg, e vive um persongem no filme Pequenos Espiões (Spy Kids, 2001), escrito e dirigido por Robert Rodriguez, com Antonio Banderas. Seu trabalho seguinte é fazer parte do elenco de Onze Homens e um Segredo (Ocean's Eleven, 2001), mais uma vez dirigido por Steven Soderbergh, com Brad Pitt, Julia Roberts e Casey Affleck. A produção coloca Clooney, de forma categórica, entre os grandes nomes de Hollywood e ganha mais duas continuações, Doze Homens e Outro Segredo (Ocean's Twelve, 2004), e Treze Homens e um Novo Segredo (Ocean's Thirteen, 2007). Durante esse período, Clooney produz e integra o elenco da comédia dirigida pelos Irmãos Russo, Tudo Por Um Segredo (Welcome to Collinwood, 2002), com William H. Macy e Sam Rockwell, segue para o elenco de Solaris (Solaris, 2002), roteirizado e dirigido por Steven Soderbergh, com Viola Davis, estreia como diretor em Confissões de Uma Mente Perigosa (Confessions of a Dangerous Mind, 2002), com Sam Rockwell, Drew Barrymore e Michael Cera, participa de mais um longa escrito e dirigido por Robert Rodriguez, Pequenos Espiões 3-D: Game Over (Spy Kids 3-D: Game Over, 2003), com Sylvester Stallone, e a comédia O Amor Custa Caro (Intolerable Cruelty, 2003), com Catherine Zeta-Jones, Billy Bob Thornton e Geoffrey Rush. Dois anos depois, trabalha em seu segundo projeto como roteiroista e diretor, Boa Noite e Boa Sorte (Good Night, and Good Luck, 2005), com David Strathairn e Robert Downey Jr., o longa recebe seis inidicações ao Oscar, entre elas as de Melhor Filme, Melhor Roteiro e Melhor Direção. Na sequência, produz e interpreta um personagem no longa Syriana - A Indústria do Petróleo (Syriana, 2005), com Christopher Plummer e Matt Damon, pelo qual ganha um Oscar de Melhor Ator Coadjuvante, segue para mais uma parceria com Soderbergh em O Segredo de Berlim (The Good German, 2006), com Cate Blanchett e Tobey Maguire, produz e vive o personagem principal no filme Conduta de Risco (Michael Clayton, 2007), produção indicada a sete Oscar, entre eles de Melhor Filme, Melhor Ator para Clooney, Melhor Direção e Melhor Roteiro, e que rende a Tilda Swinton o Oscar de Melhor Atriz Coadjuvante. No ano seguinte, dirige e produz o longa O Amor não tem Regras (Leatherhead, 2008), com Renée Zellweger, segue para mais uma produção escrita e dirigida pelos Irmãos Coen, Queime Depois de Ler (Burn After Reading, 2008), com Brad Pitt, John Malkovich e J.K. Simmons, compõe o elenco de Amor Sem Escalas (Up in the Air, 2009), dirigido por Jason Reitman, com Vera Farmiga, Anna Kendrick e Jason Bateman, personagem que lhe rende o Globo de Ouro de Melhor Ator – Drama e também uma indicação ao Oscar na categoria de Melhor Ator. Em seguida, produz e atua no longa Os Homens que Encaravam Cabras (The Men Who Stare at Goats, 2009), com Ewan McGregor, Kevin Spacey e Jeff Bridges, dubla um personagem na animação dirigida por Wes Anderson, O Fantástico Sr. Raposo (Fantastic Mr. Fox, 2009), com Meryl Streep, Bill Murray e Willem Dafoe, e segue para a produção e atuação no longa Um Homem Misterioso (The American, 2010), dirigido por Anton Corbijn. Posteriormente, Dirige, produz e escreve o roteiro do longa político Tudo pelo Poder (The Ides of March, 2011), com Paul Giamatti, Philip Seymour Hoffman e Ryan Gosling, filme indicado ao Oscar de Melhor Roteiro Adaptado, no mesmo ano recebe o Globo de Ouro de Melhor Ator – Drama e mais uma indicação ao Oscar, na mesma categoria, por seu trabalho em Os Descendentes (The Descendants, 2011), dirigido por Alexander Payne, com Shailene Woodley, segue para a peça filmada 8, 2012; com Kevin Bacon, Jamie Lee Curtis e Matthew Morrison, integra o elenco do multi-oscarizado Gravidade (Gravity, 2013), dirigido por Alfonso Cuarón, com Sandra Bullock e Ed Harris, e escreve, produz e dirige o longa Caçadores de Obras-Primas (The Monuments Men, 2014), com Matt Damon, Bill Murray e Cate Blanchett. Logo em seguida, dá vida a um dos personagens principais de Tomorrowland - Um Lugar Onde Nada é Impossível (Tomorrowland, 2015), com Hugh Laurie, participa da produção dirigida por Jodie Foster, Money Monster, 2016, com Giancarlo Esposito, e também de Hail, Caesar!; mais uma vez escrito e dirigido pelos irmãos Coen, com Scarlett Johansson, Channing Tatum, Jonah Hill, Josh Brolin e Ralph Fiennes. Curiosidades Clooney foi casado com a atriz Talia Balsam, entre 1989 e 1993. Depois de se divorciar, jurou que nunca mais se casaria. Michelle Pfeiffer e Nicole Kidman apostaram $10,000 que ele teria um filho aos 40 anos. Como ele não teve filhos, enviaram um cheque na data de seu aniversário de 40 anos. Clooney devolveu os cheques e apostou o dobro ou nada, dessa vez que não se casaria até os 50 anos. Ainda na juventude, tentou ser jogador de beisebol profissional pelo Cincinnati Reds, mas não foi selecionado. Criou um porco chamado Max, presente de Kelly Preston, por 18 anos. Max morreu no dia 01 de dezembro de 2006. Brigou de socos com o diretor David O. Russell, no set de Três Reis. O diretor teria gritado com alguns figurantes e membros da equipe, comportamento que Clooney não aprovou. Foi o segundo homem, depois de Richard Gere, a aparecer na capa da revista Vogue magazine. Participou cinco vezes de testes para integrar o elenco de Thelma & Louise (Thelma & Louise, 1991). O personagem, para o qual concorreu, foi passado para Brad Pitt e o colocou entre os principais nomes da indústria à época. Clooney ama cerveja. Ele realizou dublagens para propagandas da Budweiser e, supostamente, tinha um barril de cerveja instalado em seu trailer durante as gravações de Onze Homens e um Segredo. Clooney tem em seu currículo a produção de mais de 30 filmes e séries, com destaque para Rock Star (Rock Star, 2001), Insônia (Insomnia, 2002), Camisa de Força (The Jacket, 2005), O Homem Duplo (A Scanner Darkly, 2006), O Desinformante! (The Informant!, 2009), o vencedor do Oscar de Melhor Filme, Argo (Argo, 2012), e Álbum de Família (August: Osage County, 2013). Quando ganhou o Oscar de Melhor Ator Coadjuvante por Syriana - A Indústria do Petróleo, tornou-se a segunda geração de sua família a ganhar um Oscar, já que seu tio havia ganho o prêmio de Melhor Ator por seu papel em Cyrano de Bergerac, 1950. Sobre o avançar da sua idade, Clooney afirma que nunca usou maquiagem para atuar em seus filmes e agora isso tornou-se mais visível. “Isso é engraçado, pois muitos atores trabalham com atrizes consideravelmente mais jovens. Porém, no início da minha carreira eu trabalhei com muitas atrizes com a mesma idade que a minha ou mais velhas, então as pessoas sempre acharam que eu era velho, de qualquer forma. Agora eu estou passando por esse momento em que as pessoas pensam que eu tenho 60 anos. Mas eu fico até confortável em envelhecer, pois é melhor do que a outra opção, estar morto”. Eu assisto Batman & Robin de tempos em tempos. É o pior filme que eu já fiz, então essa é uma boa lição de humildade. Clooney é a única pessoa a ter sido indicado ao Oscar em seis categorias diferentes: Melhor Filme, Melhor Ator, Melhor Ator Coadjuvante, Melhor Diretor, Melhor Roteiro Original e Melhor Roteiro Adaptado.
Meryl Streep
Meryl Streep (nascida em Summit, Nova Jersey, em 22 de junho de 1949) é uma atriz e produtora norte-americana. Inicia sua carreira como atriz na década de setenta, após terminar seu mestrado em artes cênicas pela Universidade de Yale. Estreou no teatro em 75, participando de seis montagens nesse ano e, já em 1976, participa de montagens na Broadway, recebendo sua primeira indicação ao Tony por seu desempenho em A Memory of Two Mondays, de Arthur Miller. Sua estreia no cinema acontece um ano depois na produção Júlia (Julia, 1977), seguida pela minissérie Holocausto (Holocaust, 1978), pela qual recebe seu primeiro Primetime Emmy na categoria Melhor Atriz em minissérie. Em seguida, participa de O Franco Atirador (The Deer Hunter, 1978), com Robert De Niro, Christopher Walken e John Cazale, que há época era marido de Meryl e havia sido diagnosticado com câncer ósseo. Streep, afirmou que participou do filme somente para ficar mais tempo por perto de seu marido, no entanto, recebeu sua primeira indicação ao Oscar na categoria de Melhor Atriz Coadjuvante. No ano seguinte faz parte do elenco de Manhattan (Manhattan, 1979), dirigido por Woody Allen, A Vida Íntima de um Político (The Seduction of Joe Tynan, 1979) e Kramer vs. Kramer (Kramer vs. Kramer, 1979), produção pela qual conquistou seu primeiro Globo de Ouro e Oscar como Atriz Coadjuvante. Sua capacidade artística fica ainda mais em evidência quando inicia uma sequência de aparições como personagem principal em produções como A Mulher do Tenente Francês (The French Lieutenant's Woman, 1981), com Jeremy Irons, Na Calada da Noite (Still of the Night, 1982), até chegar em um de seus papéis mais marcantes em A Escolha de Sofia (Sophie's Choice, 1982), produção pela qual ganha seu primeiro Oscar na categoria de Melhor Atriz. Durante os próximos anos, Streep manteve uma linha de escolhas ideal para destacar suas qualidades como atriz, sempre apostando em personagens complexos e marcantes. Os destaques ficam por conta de Silkwood - O Retrato de uma Coragem (Silkwood, 1983), com Cher e Kurt Russell, Amor à Primeira Vista (Falling in Love, 1984), com Robert De Niro, Entre Dois Amores (Out of Africa, 1985), com Robert Redford, dirigido por Sydney Pollack, A Difícil Arte de Amar (Heartburn, 1986) e Ironweed, 1987, ambos com Jack Nicholson. Seu papel na produção Um Grito no Escuro (Evil Angels, 1988), lhe valeu o prêmio em Cannes na categoria de Melhor Atriz. A partir do final dos anos oitenta, Meryl participa de produções menos densas como a comédia Ela é o Diabo (She-Devil, 1989), que lhe rende mais uma indicação ao Globo de Ouro na categoria Melhor Atriz em Comédia ou Musical, Lembranças de Hollywood (Postcards from the Edge, 1992), Um Visto Para o Céu (Defending Your Life, 1991), A Morte lhe Cai Bem (Death Becomes Her, 1992), com Bruce Willis, A Casa dos Espíritos (The House of the Spirits, 1993) e O Rio Selvagem (The River Wild, 1994). A segunda metade dos anos noventa presenta uma atriz mais seletiva, deixando as comédias de lado e retornando às apostas dramáticas. Seu primeiro trabalho nessa sequência é As Pontes de Madison (The Bridges of Madison County, 1995), dirigido por Clint Eastwood. No ano seguinte participa do filme As Filhas de Marvin (Marvin's Room, 1996), com Leonardo DiCaprio e Diane Keaton, para em seguida produzir e atuar no filme Pela Vida do Meu Filho (...First Do No Harm, 1997), pelo qual ganha mais uma indicação ao Globo de Ouro na categoria de Melhor Atriz em uma produção realizada para TV. Suas participações seguintes acontecem em filmes como A Dança das Paixões ("Dancing at Lughnasa, 1998), Um Amor Verdadeiro (One True Thing, 1998), Música do Coração (Music of the Heart, 1999), A Adaptação (Adaptation, 2002) e retorna a destacar-se com sua personagem em As Horas (The Hours, 2002). Em seguida, retorna à TV para participar de um episódio de Freedom: A History of Us, 2003; e da série Angels in America, 2003; com presença de Al Pacino e Emma Thompson. Nesse segundo momento dos anos 2000 Meryl amplia novamente seu range de escolhas, participando de comédias como Terapia do Amor (Prime, 2005) e A Última Noite (A Prairie Home Companion, 2006). No mesmo ano destaca-se na adaptação O Diabo Veste Prada (The Devil Wears Prada, 2006) e retorna para produções mais pesadas como Fúria pela Honra (Dark Matter, 2007), Ao Entardecer (Evening, 2007) e participa de dois dramas com o terrorismo e guerra como pano de fundo: O Suspeito (Rendition, 2007), com Jake Gyllenhaal, e Leões e Cordeiros (Lions for Lambs, 2007), dirigido por Robert Redford, com participação de Tom Cruise e Andrew Garfield. Em seguida faz parte do musical Mamma Mia! (Mamma Mia!, 2008), e, mais uma vez, destaca-se com um personagem marcante em Dúvida (Doubt, 2008). Seu próximo trabalho é o drama biográfico Julie & Julia (Julie & Julia, 2009), com Amy Adams, em seguida participa da animação O Fantástico Sr. Raposo (Fantastic Mr. Fox, 2009), dirigido por Wes Anderson, e da comédia Simplesmente Complicado (It's Complicated, 2009). Depois de um grande número de indicações, recebe mais um Oscar na categoria de Melhor Atriz, por sua interpretação em A Dama de Ferro (The Iron Lady, 2011). No mesmo ano participa de alguns episódios da série Terapia Virtual (Web Therapy, 2011-), e, em seguida, está na comédia Um Divã para Dois (Hope Springs, 2012). Destaca-se na produção Álbum de Família (August: Osage County, 2013), com Julia Roberts e Ewan McGregor e em 2014 faz parte do elenco do drama dirigido por Tommy Lee Jones, Dívida de Honra (The Homesman, 2014), com Hilary Swank, e recebe mais uma indicação ao Oscar de Melhor Atriz Coadjuvante por Caminhos da Floresta (Into the Woods, 2014). Curiosidade Para conseguir o papel principal no filme A Escolha de Sofia, Streep conseguiu uma cópia pirata do roteiro, procurou o diretor da produção e implorou pelo papel. Streep filmou a cena da “escolha” em apenas um take e se recusou a gravar novamente por achar a cena emocionalmente exaustiva e dolorosa. Em 1989, Streep fez campanha para interpretar Evita (Evita, 1996) na produção de Oliver Stone. Dois meses antes da filmagem, Meryl desistiu do papel alegando exaustão. Algum tempo depois, foi comentado que o problema estava ligado ao salário cobrado por Streep. Quando o filme foi lançando em 96, Streep comentou a performance de Madonna no papel: Eu poderia arrancar a garganta dela fora. Eu posso cantar melhor que ela, se isso importar alguma coisa. “I could rip her throat out. I can sing better than she can, if that counts for anything.” Para interpretar sua personagem em Música do Coração, Streep estudou violino por dois meses, entre cinco e seis horas por dia. Meryl Streep já recebeu 18 indicações ao Oscar (recorde entre as categorias ligadas a atuação), vencendo três vezes. Também recebeu 28 indicações ao Globo de Ouro, vencendo oito. A atriz também ganhou dois Emmys, dois Screen Actors Guild Awards, o prêmio de melhor atriz no Festival de Cannes e no Festival de Berlim, cinco New York Film Critics Circle Awards, dois BAFTA, dois Australian Film Institute Award, quatro indicações ao Grammy Award e uma indicação Tony Award.
Bill Murray
Bill Murray (nascido em Evanston, Illinois, em 21 de setembro de 1950) é um ator, roteirista, produtor e comediante norte-americano. Sua carreira como ator profissional tem início com a dublagem de um personagem na animação A Vergonha da Selva (Tarzoon, la honte de la jungle, 1975), seguida por uma pequena sequência de participações no programa Saturday Night Live with Howard Cosell, 1975-1976. Durante o mesmo período, roteiriza e integra o elenco do longa The TVTV Show, 1976; realiza uma participação não creditada em Próxima Parada: Bairro Boêmio (Next Stop, Greenwich Village, 1976) e segue para sua sequência de participação mais duradoura em um programa de TV, quando integra por três anos o elenco principal de Saturday Night Live, 1975-; trabalho que o coloca em evidência e garante boa sucessão de papéis em produções como The Rutles: All You Need Is Cash, 1978; Loose Shoes, 1978; sua primeira parceria com o diretor Ivan Reitman, Almôndegas (Meatballs, 1979), e Mr. Mike´s Mondo Video, 1979; com Dan Aykroyd. Iniciando a década de oitenta, compõe o elenco do longa baseado em histórias de Hunter S. Thompson, Uma Espécie em Extinção (Where the Buffalo Roam, 1980), segue para mais uma dublagem em Le chaînon manquant, 1980; e uma sequência de personagens cômicos marcantes em Clube dos Pilantras (Caddyshack, 1980), com Chevy Chase, Recrutas da Pesada (Stripes, 1981), Steve Martin's Best Show Ever, 1981; com John Belushi e Steve Martin, The Rodney Dangerfield Show: It's Not Easy Bein' Me, 1982; uma rápida participação na série SCTV Network 90, 1981-1983; chegando a alguns de seus trabalhos mais representativos há época, como Tootsie (Tootsie, 1982), dirigido por Sydney Pollack, com  Dustin Hoffman e Jessica Lange, a série Square Pegs, 1982-1983; e recebe sua primeira indicação ao Globo de Ouro na categoria de Melhor Ator em Comédia ou Musical, ao fazer parte do elenco do filme de maior bilheteria de 84, Os Caça-Fantasmas (Ghost Busters, 1984), mais uma vez dirigido por Ivan Reitman, com Dan Aykroyd, Sigourney Weaver e Rick Moranis. Ainda, no mesmo ano, integra o elenco de Nada é para sempre (Nothing Lasts Foreve, 1984), e segue para seu primeiro papel dramático em O Fio da Navalha (The Razor's Edge, 1984), produção a qual também assina o roteiro. Dois anos depois, retoma seu trabalho como ator, com pequenas participações em A Pequena Loja dos Horrores (Little Shop of Horrors, 1986), mais uma vez com Rick Moranis, Steve Martin e James Belushi, Os Fantasmas Contra Atacam (Scrooged, 1988), e a sequência Os Caça-Fantasmas 2 (Ghostbusters II, 1989), novamente dirigido por Ivan Reitman, com Dan Aykroyd, Sigourney Weaver e Rick Moranis. Na década seguinte, pela primeira e única vez, assume a cadeira de diretor, ao produzir e atuar no projeto Não Tenho Troco (Quick Change, 1990), com Geena Davis, compõe o elenco do longa-metragem, Nosso Querido Bob (What About Bob?, 1991), segue para mais um personagem marcante em Feitiço do Tempo (Groundhog Day, 1993), se mantém em atividade com papéis em Uma Mulher Para Dois (Mad Dog and Glory, 1993), com Robert De Niro e Uma Thurman, Ed Wood (Ed Wood, 1994), dirigido por Tim Burton, com Johnny Depp, Martin Landau e Sarah Jessica Parker, segue para as comédias, Kingpin - Estes Loucos Reis do Boliche (Kingpin, 1996), com Woody Harrelson, Uma Herança da Pesada (Larger Than Life, 1996), com Matthew McConaughey, Space Jam: O Jogo do Século (Space Jam, 1996), com Michael Jordan, O Homem Que Sabia de Menos (The Man Who Knew Too Little, 1997), com Alfred Molina, dubla um personagem na série infantil Stories from My Childhood, 1998; participa do suspense Garotas Selvagens (Wild Things, 1998), com Kevin Bacon e Matt Dillon, compõe o elenco de With Friends Like These..., vive seu primeiro personagem sob a direção de Wes Anderson em Três é Demais (Rushmore, 1998), pelo qual recebe uma indicação ao Globo de Ouro de Melhor Ator Coadjuvante, e encerra a década com o longa O Poder Vai Dançar (Cradle Will Rock, 1999), com John Cusack. Sem perder o ritmo intenso de trabalho, se mantém em alternância entre produções de diversos segmentos, inciando por Hamlet (Hamlet, 2000), com Ethan Hawke, Julia Stiles e Casey Affleck, As Panteras (Charlie's Angels, 2000), com Cameron Diaz, Drew Barrymore e Lucy Liu, Osmose Jones (Osmosis Jones, 2001), com Laurence Fishburne e Chris Rock, segue para mais uma produção dirigida por Wes Anderson, Os Excêntricos Tenembaums (The Royal Tenenbaums, 2001), com Gene Hackman, Gwyneth Paltrow, Ben Stiller, Owen Wilson e Danny Glover, integra o elenco do longa Falando de Sexo (Speaking of Sex, 2001), com James Spader, escreve e produz alguns episódios do documentário The Sweet Spot, 2002-; e vive um dos personagens mais importantes de sua carreira no longa Encontros e Desencontros (Lost in Translation, 2003), escrito e dirigido por Sofia Coppola, com Scarlett Johansson, trabalho que lhe rende seu primeiro Globo de Ouro na Categoria de Melhor Ator em Comédia ou Musical e também uma indicação ao Oscar de Melhor Ator. Na sequência, participa da coletânea de histórias Sobre Café e Cigarros (Coffee and Cigarettes, 2003), com Tom Waits, Steve Buscemi e Iggy Pop, segue para a dublagem de Garfield: O Filme (Garfield, 2004), com Jennifer Love Hewitt, mais uma produção dirigida por Wes Anderson, A Vida Marinha com Steve Zissou (The Life Aquatic with Steve Zissou, 2004), com Cate Blanchett, Willem Dafoe e Seu Jorge, e vive mais um personagem marcante em Flores Partidas (Broken Flowers, 2005), dirigido por Jim Jarmusch, com Jessica Lange e Sharon Stone. Depois dessa boa sequência de trabalho, Murray anuncia que irá dar um tempo na atuação. No entanto, mantém-se presente nas salas de cinema com projetos que havia gravado posteriormente como o filme dirigido por Andy Garcia, A Cidade Perdida (The Lost City, 2005), a dublagem de Garfield 2 (Garfield: A Tail of Two Kitties, 2006), mais uma pequena participação em Viagem a Darjeeling (The Darjeeling Limited, 2007), mais uma vez dirigido por Wes Anderson, com Owen Wilson, Adrien Brody e Jason Schwartzman. O retorno ao trabalho acontece em Agente 86 (Get Smart, 2008), com Steve Carell, Anne Hathaway e Alan Arkin, seguido por Cidade das Sombras (City of Ember, 2008), Os Limites do Controle (The Limits of Control, 2009), Segredos de um Funeral (Get Low, 2009), com Robert Duvall e Sissy Spacek, uma rápida participação em Zumbilândia (Zombieland, 2009), com Jesse Eisenberg, Emma Stone e, novamente, Woody Harrelson, seguindo para a aninamação dirigida por Wes Anderson, O Fantástico Sr. Raposo (Fantastic Mr. Fox, 2009), com George Clooney, Meryl Streep e Willem Dafoe. Na segunda década dos anos 2000, Murray integra o elenco de O Anjo do Desejo (Passion Play, 2010), com Mickey Rourke e Megan Fox, entrega um personagem marcante em mais uma parceria com Wes Anderson, no longa Moonrise Kingdom (Moonrise Kingdom, 2012), com Bruce Willis, Edward Norton e Tilda Swinton, é indicado mais uma vez ao Globo de Ouro de Melhor Ator em Comédia ou Musical por sua personificação do presidente nnorte-americano Roosevelt em Um Final de Semana em Hyde Park (Hyde Park on Hudson, 2012), com Laura Linney, segue para o filme dirigido por Roman Coppola, As Loucuras de Charlie (A Glimpse Inside the Mind of Charles Swan III, 2012), com Charlie Sheen e Patricia Arquette, e participa da produção dirigida por George Clooney, Caçadores de Obras-Primas (The Monuments Men, 2014), com Matt Damon e Cate Blanchett. No mesmo ano compõe o elenco de mais um filme de Wes Anderson, O Grande Hotel Budapeste (The Grand Budapest Hotel, 2014), com Ralph Fiennes, Adrien Brody e Jude Law, é indicado ao Globo de Ouro na categoria Melhor Ator Coadjuvante em Série, Minissérie ou Filme produzido para a TV, por sua participação na série da HBO, Olive Kitteridge, 2014; recebe mais uma indicação ao Globo de Ouro na categoria Melhor Ator em Comédia ou Musical por seu trabalho em Um Santo Vizinho (St. Vincent, 2014), com Melissa McCarthy, Naomi Watts e Terrence Howard, segue para alguns episódios de Alpha House, 2013-; compõe o elenco de Debi & Lóide 2 (Dumb and Dumber To, 2014), com Jim Carrey e Jeff Daniels, participa de Parks and Recreation, 2009-2015;  e parte para os longas Sob o Mesmo Céu (Aloha, 2015), escrito e dirigido por Cameron Crowe, com Bradley Cooper, Rachel McAdams, Emma Stone e Alec Baldwin, e O Livro da Selva (The Jungle Book, 2016), dirigido por Jon Favreau, com Scarlett Johansson, Idris Elba e Lupita Nyong'o. Curiosidades Murray foi o primeiro entrevistado do Late Night with David Letterman em 1 de fevereiro de 82 e também o último convidado de Letterman quando este se aposentou, em 20 de maio de 2015. Murray aceitou viver o papel escrito para John Belushi em ‘Os Caça-Fantasmas’ como parte de um acordo com a Columbia Pictures para que o estúdio financiasse a produção de ‘O Fio da Navalha’. Posteriormente, desapontado com o fracasso dessa produção, ele tirou quatro anos longe das gravações para estudar filosofia e história na Soborne e na Cinémathèque de Paris. Em 2004, Murray aceitou dublar a voz de Garfield, em ‘Garfield: O Filme’ e na sequência ‘Garfield 2’, pois confundiu o co roteirista Joel Cohen com o diretor e roteirista Joel Coen. Sempre muito desligado da cena de Hollywood, Murray não tem agente e só aceita roteiros e papéis oferecidos por meio de um telefone 0800, no qual as pessoas deixam recados de voz e ele checa de forma inconstante. Esse modelo de negócios já fez com que perdesse papéis em filmes como Uma Cilada Para Roger Rabbit (Who Framed Roger Rabbit?, 1988), Monstros S.A (Monsters, Inc., 2001) e A Fantástica Fábrica de Chocolate (Charlie and the Chocolate Factory, 2005). Quando perguntado sobre essa prática, Murray parece contente com sua inacessibilidade e afirma: "Não é tão difícil me encontrar. Escrecer um bom roteiro é mais difícil do que encontrar alguém. Então eu não me preocupo, não é problema meu”. Quebrou o nariz de Robert De Niro, acidentalmente, durante as filmagens de ‘Uma Mulher Para Dois’. É superfanático pelo time de beisebol Chicago Cubs. Tanto que, durante a participação dos Cubs nas finais de 2003, Murray estava gravando na Itália, mas tinha expresso em contrato que teria disponível uma TV com sinal de satélite para assistir aos jogos. Sofia Coppola escreveu o papel de ‘Encontros e Desencontros’, com Murray em mente. Ela não o conhecia e pediu ajuda de seu pai, Francis Ford Coppola, para conseguir encontrá-lo. Murray, assim que leu o roteiro, aceitou o papel. Murray costuma improvisar e alterar suas falas no roteiro de maneira que as cenas quase não se parecem com o que foi escrito. No entanto, grande parte das pessoas que trabalham com ele afirma que isso melhora os filmes. Murray não tem agente, não tem cabeleireiro ou maquiador preferido. Viaja para seus trabalhos sem uma equipe. Foi considerado para o papel de Batman/Bruce Wayne no longa Batman (Batman, 1989), quando a ideia original era criar algo parecido com a série de TV dos anos sessenta, antes de Tim Burton fazer parte do projeto. Foi considerado para os papéis de Willy Wonka em A Fantástica Fábrica de Chocolate (Charlie and the Chocolate Factory, 2005), de Han Solo em Guerra nas Estrelas (Star Wars, 1977), e de Leonard Lowe em Tempo de Despertar (Awakenings, 1990). Desistiu do papel que foi para Steve Carell em Pequena Miss Sunshine (Little Miss Sunshine, 2006), uma das poucas decisões em sua carreira que se arrepende. Foi considerado e testado para a dublar a voz de Sulley em ‘Monstros S.A.’, mas o diretor Pete Docter, diz que quando a produção decidiu oferecer o papel para Murray, não foi possível fazer contato e eles tomaram isso como um não.
Wes Anderson
Wes Anderson (nascido em Houston, Texas, em 1 de maio de 1969) é um roteirista e diretor norte-americano. Sua carreira como diretor de cinema começou enquanto cursava filosofia na Universidade do Texas. Lá, conheceu Owen Wilson que também nutria paixão por cinema e iniciaram uma parceria que culminou em seu primeiro curta-metragem Bottle Rocket, 1994. Após enviar a produção para o festival de Sundance, conquistou reconhecimento de algumas pessoas importantes do mercado de filmes e com a intervenção do produtor James L Brooks consegue realizar um longa-metragem com base no curta-metragem anterior Pura Adrenalina (Bottle Rocket, 1996). O filme foi pouco divulgado, mas Anderson ganhou o prêmio de Melhor Diretor Revelação no MTV Movie Awards daquele ano. Seu segundo filme foi Três é Demais (Rushmore, 1998), projeto que deslanchou após o presidente da Disney e fã de Anderson, Joe Roth, assinar um contrato para colocar o filme em andamento. A produção conta com Bill Murray e Jason Schwartzman e recebeu excelentes críticas nos diversos festivais nos quais foi apresentada, angariando fãs de peso para o trabalho de Wes Anderson, como Martin Scorsese. Os Excêntricos Tenenbaums (The Royal Tenenbaums, 2001) alcançou números expressivos nas bilheterias norte-americanas e foi eleito pela revista Empire como o 152º melhor filme da história. A produção ainda rendeu a primeira indicação de Anderson ao Oscar na categoria de Melhor Roteiro Original. No entanto, seus filmes subsequentes não foram tão bem recebidos; A Vida Marinha com Steve Zissou (The Life Aquatic with Steve Zissou, 2004) e Viagem a Darjeeling (The Darjeeling Limited, 2007). Em seguida, Anderson entra no segmento de animação com a produção O Fantástico Senhor Raposo (Fantastic Mr. Fox, 2009), filme que conta as vozes de Meryl Streep, George Clooney, Bill Murray, Willem Dafoe e rendeu uma indicação ao Oscar e ao Globo de Ouro na categoria de Melhor Filme de Animação. A produção de 2012, Moonrise Kingdom (Moonrise Kingdom, 2012) amplia ainda mais a base de fãs de Anderson, e é um sucesso tanto de público quanto de crítica. A produção foi exibida na abertura do festival de Cannes em 2012 e também conquistou mais uma indicação ao Oscar na categoria de Melhor Roteiro Original entre outras premiações. Em seguida, Anderson dirigiu O Grande Hotel Budapeste (The Grand Budapest Hotel, 2014), produção que conta com Ralph Fiennes, Jude Law, Edward Norton, Bill Murray e garantiu nove indicações para o Oscar 2014, entre elas Melhor Filme, Melhor Diretor e Melhor Roteiro, Curiosidades Wes Anderson possui sete curtas-metragens dirigidos por ele que evidenciam, ainda mais, a sua visão de como contar uma história. Give Beautifully, 2014; Castello Cavalcanti, 2013; Prada: Candy, 2013; Cousin Ben Troop, 2012; Hotel Chevalier, 2007; American Express: My Life. My Card, 2004 e Bottle Rocket, 1994.  
Publicidade
Publicidade
 

Fotos

Os Vingadores 2 set 23Fev2014 01
Vingadores-Era-de-Ultron
r9SHlcYEttu5RrzTqRMzPGl1CZU.jpg
rihanna
Lucy-set-23out2013-05.jpg
lucy
12474104_10154011057308313_8457555934377215650_o.jpg
Triplo-X-3
cdc4z3uOFUoM7VNq7FqLUVDalwf.jpg
margot-robbie
DSC_9024.JPG
CCXP-2016-colecionaveis
Scott-Eastwood.jpg
Halloween-2016
marveltoys_103.jpg
marvel-toys
black-mass.jpg
black-mass
1WCGiro5TWKDe5lmc5LkLo8l67p.jpg
into-the-woods
Mortdcai poster 11nov2014 01
mortdecai
Yoga-Hosers-27ago2014-stan-lee.jpg
yoga-hosers
Publicidade