HQ/Livros

Tom Wolfe, escritor e jornalista, morre aos 87 anos

Wolfe escreveu clássicos como Os Eleitos e Fogueira das Vaidades
-
JayHenry/Wikicommons
 - JayHenry/Wikicommons

O escritor Tom Wolfe, um dos mais importantes nomes do jornalismo literário no século XX, morreu nesta segunda-feira (14), aos 87 anos. Segundo sua agente, Lynn Nesbit, ele faleceu em decorrência de uma infecção em um hospital de Nova York (Via Variety).

Ao lado de nomes como Norman Mailer, Gay Talese e Truman Capote, tornou-se uma das bases do Jornalismo Literário – um movimento que revolucionou a escrita de não ficção na década de 60 trazendo a narrativa jornalística mais próxima da literatura, utilizando recursos narrativos que na época eram característicos apenas em romances ficcionais.

Além disso, ainda trabalhou em ficções como Os Eleitos e Fogueira das Vaidades, publicações que foram adaptadas ao cinema e tornaram-se clássicos da sétima arte.

 Leia mais sobre Tom Wolfe

Vá em Paz, Velho Guerreiro.

RIP

A Fogueira das Vaidades e O Teste do Ácido do Refresco Elétrico são dois dos melhores livros que já li. Vão atrás.

Por isso digo que o público do omelete é formado por imbecis que não sabem pensar, a véia louca lá do Superman morre e tem mais de 235 comentários...o fera aí de cima, se vai e só dois...não to dizendo..

Tom Wolfe não vai mais poder comer salada de batatas.

Grande nome do jornalismo.

Discuta aqui no site Discuta aqui

O Omelete disponibiliza este espaço para comentários e discussões dos temas apresentados no site. Por favor respeite e siga nossas regras para participar. Partilhe sua opinião de forma honesta, responsável e educada. Respeite a opinião dos demais. E, por favor, nos auxilie na moderação ao denunciar conteúdo ofensivo e que deveria ser removido por violar estas normas.

Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

blog comments powered by Disqus