Séries e TV

The Flash | Entenda o multiverso e suas possibilidades dentro da série de TV

Jay Garrick e seu mundo chegam à segunda temporada
-

Não há uma maneira fácil e lógica para se começar a ler quadrinhos. Com inúmeros inícios, finais, recomeços e linhas temporais, além de nomes civis diferentes para um mesmo super-herói, não é muito simples entender toda a história de um personagem, que dirá de toda a Liga da Justiça. Sendo assim, levar essas histórias ao cinema ou à TV é um árduo trabalho. Um bom exemplo é The Flash, que traz às telinhas uma série protagonizada por Barry Allen (Grant Gustin) - que não é o Flash clássico dos quadrinhos.

No entanto, a segunda temporada de The Flash introduzirá Jay Garrick (Teddy Sears), o primeiro sobre-humano a ser conhecido como o Flash. Além deles, o novo ano da série trará também Wally West (Keiynan Lonsdale), uma terceira pessoa que também veio a usar o codinome. É assim que o conceito de multiverso chega àqueles que não acompanham as histórias em quadrinhos. Já comentamos a era "nerd sem vergonha da TV", que usa sem medo complexas tramas para se aproximar também dos fãs mais hardcore.

A questão principal é explicar, de maneira simples e direta, o conceito de dimensões paralelas. Sendo assim, a série foi lentamente introduzindo complicados conceitos para testar se, no longo prazo, os fãs compreenderiam a situação geral. Vale lembrar aqui que o público não é somente aqueles que já conhecem a história do Flash, mas também aqueles que teriam seu primeiro contato com o herói e seu universo ali, na TV. Por mais que usar a história dos quadrinhos faça sentido e funcione, é preciso também adaptar alguns pontos para que não haja laços soltos ao final de uma temporada. Sendo assim, vamos ao conceito de multiverso e às possibilidades que The Flash tem para explorar dentro dele.

A ideia é simples: existem Terras paralelas a nossa, Terras as quais têm praticamente as mesmas pessoas e os mesmos eventos históricos, mas com consequências diferentes. É de uma dessas Terras que Jay Garrick surge pelo buraco negro, a singularidade aberta ao final do primeiro ano da série. Na Terra de Garrick, ele é o único Flash, conhecido como o Cometa Carmin, e seu vilão não é o Flash Reverso como foi o de Barry, mas o Professor Zoom.

Inicialmente, The Flash deve introduzir apenas Garrick e Zoom na Terra de Barry Allen para facilitar. Em um segundo momento, entretanto, podemos seguir para a Terra de Garrick e conhecer as versões de lá de personagens que já encontramos, como Caitlin Snow (Danielle Panabaker) e sua possível versão vilanesca Nevasca, Cisco Ramon (Carlos Valdes) e o Vibro, entre outros.

Mais interessante ainda pode ser a introdução de Wally West. Conhecido como o Kid Flash, nos quadrinhos West é sobrinho de Barry - mas, para a série, carrega o sobrenome de Iris e Joe. Será que em alguma das linhas temporais da TV Barry se casará com Iris (Candice Patton)? Joe (Jesse L. Martin) tem outro filho? Talvez Iris tenha um irmão por parte de mãe? As possibilidades são infinitas.

The Flash volta a ser exibida nos EUA em 6 de outubro, no The CW. No Brasil, a série retorna com episódios inéditos em 15 de outubro na Warner.

Leia mais sobre The Flash

The Flash
Estreia em 07/10/14 Produção: 2014
sobre a série
Galeria de imagens (903)

Falta os herois kriptonianos. Esses vilões velocistas não teriam a minima chance contra eles mesmo sendo mais rapidos. Tenho curiosidade sobre o Batman que até hoje não deu as caras nem mesmo em smallville.

vim aqui pq ta passando a 1a temporada dnovo na globo hehe. tudo q envolve viagem no tempo a explicação nunca convence 100% pois gera mt paradoxo. veja: n sei de q ano do sec 25 eobard é mas suponhamos q ele é do ano de 2450 e no dia 01 de janeiro desse ano ele volta no tempo p matar barry e se livrar dele desde o inicio. ai ja entra a 1a questao: pq ele n voltou antes ainda, qnd tava gravida por exemplo e fez ela abortar? enfim. ok, mas eobard voltou no dia q a serie mostra e n conseguiu matar barry criança pq flash do futuro impediu e ai matou a mae p se vingar. dai ele n conseguiu mais voltar e no fim da 1a temporada eobard morreu pq eddie se matou. ai vem uma questao: se eobard passou a n existir mais, ele n teria voltado no tempo e n teria matado a mae de barry, morte essa q gerou a mudança na linha do tempo q eobard tinha causado, entao sem eobard p alterar a linha td voltaria a linha do tempo original, e aquele momento q eddie se matou passaria a n existir mais pois esse momento pertence a linha do tempo alternativa q eobard criou ao matar a mae de barry. entao na linha do tempo original eddie n se mata, e se ele n morre eobard tem a chance de existir novamente como aconteceu originalmente. perceberam? p qm assiste td de fora (nós telespectadores) isso geraria um loop infinito. so p qm vive o momento de cada linha do tempo é q n perceberia nd e obviamente pensa q oq acontece é o momento unico sem alterações nas suas vidas. ou seja, cada pessoa vive seu tempo (alterado ou nao, alternativo ou nao, original ou nao) nascendo, vivendo e morrendo como se nd tivesse acontecido, pois so qm VÊ as mudanças da viagem no tempo é qm viaja e qm assiste q no caso somos nós. entao as pessoas q vivem em 2450 (ano aproximado do sec 25 q usei aqui p ilustrar) q n sabem q eobard viajou no tempo, sabem apenas q ele 'sumiu', e como ele ficou preso em 2014 (e depois morreu pq eddie se matou) ele n voltou mais p 2450 e as pessoas desse ano morreram de velhice e nunca mais viram eobard. n importa as outras linhas do tempo, n importa se a mae de barry morreu, n importa se eddie se matou, oq aconteceu nessa linha do tempo de 2450 aconteceu e pronto. n foi interrompida, so é interrompida pra qm viaja no tempo e p nós q assistimos de fora. entenderam? qnd se fala em viagem no tempo n existe uma verdade absoluta. pois existem varias verdades. oq o autor faz é escolher qual dessas verdades vao ser mostradas, pq se for mostrar todas gera um loop infinito. por isso eu n contesto as explicações q os autores dao em filmes\series de viagem no tempo, pois é meramente a explicação q eles resolveram dar, mas pode sim ser contestada e dizer q "não faz sentido". ou faz sentido parcialmente, mas n como um todo. RESUMINDO A LOGICA: - qm viveu a linha do tempo em q a mae de barry n morre, viveu normalmente ate morrer de velhice (caso n morra de fatalidade ou doença, enfim). - qm viveu a linha do tempo em q a mae de barry morre e eddie se mata e eobard n existirá, viveu essa realidade ate morrer de velhice (caso n morra de fatalidade ou doença, enfim) - qm viveu a linha do tempo em q em 2450 viu eobard "sumir" e n aparecer mais, viveu essa realidade ate morrer de velhice (caso n morra de fatalidade ou doença, enfim). So qm viaja no tempo (e nós q assistimos) é q VÊ todas essas linhas do tempo. a coisa é tão louca q deve ser por isso q n existe viagem no tempo. kkkkkk ou será q existe e pensamos q n existe pois estamos vivendo so a nossa realidade ate morrer de velhice, ja q n somos os viajantes? kkkkkkkkkk

A questão do Wally será interessante já que Íris, o pai e a mãe são afro americanos. Será que o Wally será negro também ou inventarão uma desculpa meia boca para colocar um ator loiro (como ele realmente é nos quadrinhos)?

Concordo em gênero, número e grau. Acho que decidiram retirar Wally West e voltar com Barry por que os escritores fizeram a mancada de dar esposa e filhos pro Wally, ou seja, o personagem ficou meio envelhecido e acabou perdendo link que tinha com Novos Titãs (ele era o Kid Flash e fazia parte da equipe, depois que assumiu o manto do Flash ainda ajuda os Titãs). Pelo menos o retorno do Barry foi bem mais coerente do que o retorno do Hall Jordan como Lanterna Verde

Vc citou algo q venho falando desde o início mas poucos entendem e ainda me.criticam!sei que existem várias teorias de viagem no tempo mas a série não pode sair usando todas e achar q tá tudo certo!um episódio Barry volta no tempo e não encontra com sua duplicata e em outro encontra! To gostando da série mas certos furos me.decepciona! Talvez seja de propósito pois a maioria não entenderia algo tão complexo pois apenas assistem pela TV e nunca leram quadrinhos, ou seja burrice mesmo!

Não sei se a resposta que vou dar é a correta ou se vai um dia explicar na série. Viagens temporais são complicadas realmente, existem várias explicações e uma das mais plusiveis é a de dimensões alternativas. Quando Eddie se mata, ele provavelmente alterou a linha do tempo que conhecemos, a do Barry já um Flash criado, então nessa linha do tempo o Flash Reverso não será criada, porém mantem-se o Barry como Flash porque quando Eobard morreu ele já estava lá (Acho que expliquei de uma forma confusa, mas blz kkk) Já a linha do tempo de Eobard (a que ele voltaria) também foi alterada, sendo que nela o Flash Reverso também não continuaria a viver (provavelmente quando ele volta ao passado sua existência desapareceria no futuro e ninguém saberia o motivo, o Flash "adulto" voltaria a sua linha do tempo e não encontraria mais o Reverso).

Então, eu ainda to esperando pra ver o que são aquelas "visões", pq pode ter acontecido isso aí que você falou e o Barry tá perdido.

O Flash existiria de qualquer jeito, com Eobard ou não, como foi explicado na série, ele só adiantou alguns anos. Já sobre esses furos, acredito que apenas o Reverso tenha sofrido as consequências, por que ele era o único que não era deste tempo. A morte de Eddie alterou o futuro, não o presente.

Concordo com você Otávio e fico impressionado como a maioria das pessoas não se ligou nesse furo gigantesco! Ficou muito mal feito... Achei que a série voltaria mostrando que o Flash adentrou em uma Terra paralela, onde existem os personagens da Terra original, exceto ele. Nessa Terra Paralela, o Flash de lá teria ido para outra Terra alternativa durante o evento da singularidade. Seria uma opção razoável, mas aconteceu o contrário! Nada mudou na Terra original e o Flash da Terra Paralela (Jay Garrick) veio parar na nossa Terra!

Desculpa se fui redundante durante a postagem, é só que me empolgo muito escrevendo sobre viagens no tempo.

Então, mas tipo, com o Eddie se matando, o Eobard nunca teria nascido, a mãe do Barry não teria morrido, o pai do Barry não estaria preso, o Barry não teria visto "O Impossível" e várias outras coisas... O Dr. Harrison Wells ainda existiria, provavelmente o reator nuclear seria ligado mas em contra partida, Barry provavelmente não seria policial (eu sei que vai de encontro À proposta da HQ, mas só seguindo minha linha de pensamento) pois não teria o incentivo para tal, seria provavelmente um médico, e não estaria no lugar certo para o "acidente". Quando Eddie se matou a história deveria ter zerado para os envolvidos direta e indiretamente. Inclusive, voltando ao acelarador de partículas, Eobard ligou o reator sabendo que havia uma falha, coisa que pelo rumo da história, já acontecera, provavelmente por intermédio do próprio Eobard, ou seja, é tudo um ciclo... Se Eobard tivesse morrido, por conta própria, a história seguiria, mas como o Eddie se matou para que não houvessem descendentes, a parada ficou zoada, pq o Eobard nunca nasceu, nunca viu o Flash, nunca voltou no tempo, nunca criou o Flash e nem os outros meta-humanos e por aí vai. Cara, daria pra escrever um livro sobre isso...

Essa é fácil: o Flash existiria com ou sem Eddie Thawne, ele apenas acelerou o processo - como o próprio personagem diz várias vezes ao longo da temporada. ;)

Sem querer ser (muito) chato mas, como fã de viagens temporais eu fiquei intrigado com uma coisa: Se o Eddie Thawne se sacrificou para que o Eobard não existisse, como o Flash continua existindo? Tipo, eu posso ter perdido alguma coisa ali no meio da série, algum detalhe que sustente a continuidade.

Dudes, esse seriado sempre faz cair um cisco no olho,... e esse primeiro ep. da segunda temporada <3

Exatamente assim que me senti.

Não é essa a questão fera,.. o FLASH clássico é o Barry (roupa, canone e tudo mais),... Joel Ciclone é o primeiro FLASH.

Na verdade o Cometa Carmin que ela citou é como o Jay Garrick se chama na Terra 2 DA SÉRIE.Ele mesmo diz isso num trailer da 2 temp.

acho q ela confundiu o Wally com o Bart... o foda é que parece q nem ela ta entendendo direito o Multiverso... hahahahah

acho q o Zoom é vilão ou do Wally West ou do Bart Allen... não lembro, pelo que sei o Flash Reverso do Jay Garrick é o Rival, acho q é isso... acho q Aline se confundiu nisso...

Aquele episódio foi foda, eles terem desfeito foi meio broxante.

Você percebe que Flash é bom quando você ENGOLE o "EMPATE" do Flash vs Arrow e continua assistindo a série ^^

Só uma coisa tem me preocupado em flash... É usarem esses universos paralelos para arriscarem e desfazer tudo depois, como quando começou a viagem no tempo, um dos melhores eps teve todos os seus acontecimentos desfeitos com essa de viagem no tempo.

Raso, muito raso. hehe Digo, o "universo" deles. :D

Não sou especialista em HQs porque não vivo disso. Sou apenas um leitor. Ela vive disso aqui, por isso, deveria conhecer sobre aquilo que escreve.

Ihhhhhhh... chegou o especialista em quadrinhos querendo tirar onda em cima da moça.

É impressionante como a internet permite que alguém escreva uma matéria superficial, sobre algo que não entende e ainda receba elogios por isso. Com uma chamada "marqueteira", essa postagem é inútil para quem acompanha regularmente o personagem e um desserviço para quem é novo no ramo. Omelete, contrate alguém que entenda de DC Comics ou parem de "dar pitaco" a respeito do que não conhecem.

q feio....errando os nomes dos heróis.....Jay Garrick é o .Jay Garrick/ Flash ou abrasilieradamente Joel Cliclone e não o o Cometa Carmin(Capitào Cometa) que tem seu Alter Ego um cara chamado Adam Blake, esse heroi tem poderes totalmente diferentes e nao faz parte das historias do Flash.....

o problema ta sendo usar as teorias de volta no tempo do jeito que mais convém... hora o barry volta no tempo e ele é um só e sobrescreve o dia, outrora ele volta no tempo e tem 3 dele...

espero que nao caguem

Barry so veio com a era de prata dos quadrinhos, enquanto o Jay Garrick fez parte da era de ouro, basicamente, o J.G veio primeiro.

Ah sim, é vdd,.... mas é normal isso hj em dia,..a mortes ficaram banais,..a morte do Barry foi um choque na época,... enfim,...

Série mais escrota da tv, cagaram na mitologia do Flash (meu segundo héroi preferido) parei de ver essa bosta quando anunciaram o ator que vai ser o Wally.

Nada confirma que o Zoom é da terra do Joel Ciclone, ele pode ser de alguma outra .

Panela não!

Continuo apostando na coisa mais louca, que seria o pai do Barry como o Flash da série dos anos 90 em alguma terra paralela, ou no season finale junto aos outros velocistas pra derrotar o Zoom!

Acho que não é necessário, ter que ter um mestrado, em ' Flash', para apreciar este bom seriado da DC. Deve-se adaptar á história do multi-verso da DC. Para o grande público. Eu por exemplo, que sou um fã da Marvel. Irei ficar perdido, se tentarem fazer, como foi nos gibis.

Ótimo resumo, um grande aperitivo para a p´roxima temporada, Parabéns Omelete.

Espero que como eles vao colocar universos paralelos nao tenho aqueles furos ridiculos e sem noçao.

Não tem que ter toda essa preocupação com a "complexidade das tramas". É so dizer que são mundos paralelos que o publico ja vai entender. O desenho da Liga da Justiça ja mostrou esse conceito diversas vezes e funcionou perfeitamente, ate mesmo com as crianças. A única coisa que seria complicado de mostrar é que existem diferentes Flash's, o Barry, o Wally o Jay, mas esse problema foi resolvido de maneira simples, pois cada um vai ter um visual diferente, sendo que um usa uma panela com asas na cabeça e o outro vai ser negro. Se o pessoal não confundiu a quantidade de arqueiros que tem em Arrow, acho que eles não vão confundir os velocistas em Flash.

É a chance perfeita de mostrarem que o universo do cinema é um desses universos paralelos,nem que seja em uma ceninha torço para mostrarem um vislumbre de Batman v. Superman como um dos múltiplos multiversos. Veja o potencial Warner,vocês tem chances de fazerem um épico ainda maior que infinity War, fazendo crise nas infinitas terras.

Sim :)

Acho que se confundiram com a ideia de clássico no texto...rs Joel Ciclone é o primeiro Flash, da Era de Ouro, mas o Flash clássico mesmo é o Barry Allen, o segundo, da Era de prata. Uniforme, alter-ego, história, é a dele a mais famosa de todas. Assim como aconteceu com Hal Jordan em relação a Alan Scott e Liga da Justiça em relação a Sociedade da Justiça.

Sabe de nada inocente! rs Pois é Aline, o Wally é sobrinho da Iris nos quadrinhos também! Ele é sobrinho do Barry por causa do casamento dele com a Iris.

Esse assunto de viagem no tempo dá TILT na mente...toca o RAUL. DC+Marvel Marvel = Emoção e diversão para os fãs Dc = Diversão e emoção para os fãs #ChupaGostosinLogan-->Wendel-->Deivisson--->mateus--->Ramon---->junior---->pedro...

o meu medo em querer explorar d mais é acabar c perdendo a historia ao decorrer dos capitulos

Ultimamente ta saindo os textos muito bons no Omelete, parabéns!

Kkkkkkkkk são mudanças editoriais rsrsrsr por mais que não seja o Wally que aprendi a admirar nos anos 90 ainda é ele né? kkkkk

Deram sumiço é modo de dizer, porque aquele manolo não é o Wally vamo combinar,..rs

Bom mas isso é em grau de Importância, Barry foi mais importante do que o Joel, mas senão fosse ele não teríamos os Flashs e nem o conceito do Multiverso .... e bem o Wally tá nos novos 52 né? E se Wally sumiu é tudo cilpa do Barry tbm rsrsrsrsrs

Ah sim, com certeza o Joel é o primeiro,..mas em termos de roupa, canone, e todos os conceitos,..o Barry é o mais clássico! Tanto que deram um sumisso no Wally nos novos 52 e voltaram com o Barry né ;)

Rsrsrsrsrsr Mas não é o primeiro rsrsrsrs e isso eles explicam na matéria! Barry pode ser o mais foda mas o "Joel Ciclone" ainda é o Primeiro sobe o Nome Flash.

Barry não é o Flash clássico dos quadrinhos. desde quando???? Pra mim ele é e sempre será o mais clássico de todos! \o/

Não é só na serie que o Wally carrega o sobrenome de West. E ele sempre foi sobrinho da Iris... O Barry é tão tio dele quanto o marido da sua tia é teu.

Já imaginou, Liga da Justiça termina com uma das Terras sendo destruida com Darkside matando todo mundo.

É a chance perfeita de mostrarem que o universo do cinema é um desses universos paralelos,nem que seja em uma ceninha torço para mostrarem uma vislumbre de Batman v. Superman como um dos múltiplos multiversos. Vejao potencial Warner,vocês tem chances de fazerem um épico ainda maior que infinity War, fazendo crise nas infinitas terras.

As infinitas terras..agora sim o seriado vai render umas 15 temporadas só quero ver se não vai dar um nó..kkkkkkk

Discuta aqui no site Discuta aqui

O Omelete disponibiliza este espaço para comentários e discussões dos temas apresentados no site. Por favor respeite e siga nossas regras para participar. Partilhe sua opinião de forma honesta, responsável e educada. Respeite a opinião dos demais. E, por favor, nos auxilie na moderação ao denunciar conteúdo ofensivo e que deveria ser removido por violar estas normas.

Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

blog comments powered by Disqus